Resenha – O Capote

Escrito em 1842, o Capote é um conto curto e direto de Gogol – escritor russo conhecido por seu humor negro e contos que misturam fantasia com realismo.

O conto é a história de Akaki Akakiévitch – um homem resignando a sua vidinha simples, sem grandes talentos, de personalidade vazia e sem grandes aspirações. Trabalhava para um ministério russo copiando documentos. Morava sozinho, não tinha amigos, era motivo de chacota de seus companheiros de profissão e pobre de dar dó.

Com o frio de Petesburgo, Akaki precisava constantemente remendar seu velho casaco – apelidado de capote. Porém, de tão velho e puído, o capote não poderia ser remendado dessa vez. Com suas economias e se privando de quase tudo (incluindo jantar) Akaki conseguiu juntar o dinheiro necessário para outro capote – lindo e na moda. Motivo de orgulho e congratulações de seus amigos.

Gogol nos apresenta em 50 páginas uma Rússia burocrática, superficial e hipócrita. Tudo isso com um senso de humor ácido (meu preferido) e certeiro. A história dá reviravoltas interessantes e fantasiosas. É um conto rápido para apresentar um autor que muitos consideram o fundador da literatura russa moderna.

Extremamente recomendado. Leia na sala de espera do  médico que foi viajar no feriado e te deixou esperando enquanto o vôo dele estava atrasado. Pelo menos vai manter seu senso de humor vivo – e negro.

Domingo dos Quadrinhos – Star Wars (Série da Ediouro)

Star Wars 1Demorou mas saiu! Quase que o domingo acaba sem Domingo dos Quadrinhos, mas felizmente conseguimos providenciar a tempo!

Em 2005 a editora Ediouro inaugurou um braço de quadrinhos com a publicação de uma série mensal de quadrinhos de Star Wars, originalmente publicados pela Dark Horse Comics nos Estados Unidos. Apesar de interrompida em 2006, a revista chegou a trazer diversas histórias completas, que compensam de longe para o fã do universo criado por George Lucas.

Como exemplos da qualidade desta série, temos as duas primeiras histórias completas, que aparecem entre os números 1 e 4 da revista mensal: a primeira delas, Obsessão, se passa meses antes do episódio III (A Vingança dos Sith) e apresenta Obi-Wan Kenobi e Anakin Skywalker perseguindo uma inimiga chamada Ventress. Com traços muito bons (e agressivos), combinados a um roteiro que prima pelos detalhes e pela aderência ao mundo criado para a série de filmes, Obsessão é uma história que agrada a qualquer fã de Star Wars.

A segunda história completa publicada na revista, chamada Temporada de Caça, apresenta a origem do mercenário Jango Fett. Para quem se lembra, Jango foi o homem utilizado como base para criação dos clones, os Stormtroopers. A história também é muito bem desenhada e roteirizada, e vale inclusive para “não tão fãs”, porque funciona bem como uma história em quadrinhos isolada.

Esta série deve ser fácil de encontrar em sebos, e interessa demais a quem é apaixonado pelos filmes e quer saber mais sobre este universo. Recomendado.